quinta-feira, 23 de junho de 2011

William James

1842-1910
Reitor da Universidade de Harvard e filósofo mundialmente conhecido, nasceu a 11 de janeiro de 1842 em New York e faleceu a 26 de agosto de 1910 em Chocorua.

Colou grau de doutor em medicina na Lawrence Scientific School, em Harvard. Acompanhou Agassiz em sua expedição ao Amazonas, seguindo logo depois para a Alemanha, a fim de aperfeiçoar seus conhecimentos médicos. Sua primeira grande obra data de 1890: Princípios de Psicologia. Em 1898, na Universidade da Califórnia, formulou a teoria do pragmatismo.

Suas obras principais são:"Imortalidade Humana", "As variedades de Experiência Religiosa", "Universo Pluralístico", " O Significado da Verdade", "Ensaios sobre o Empirismo Radical".

Publicou ainda a obra "Etudes et Reflexions d'un Psychiste", na qual afirma que, na Inglaterra, cerca de um adulto sobre dez vê fantasmas.

Nessa mesma obra, diz ele:

"Quando uma teoria vem, sem cessar, à discussão, todas as vezes que a crítica ortodoxa a enterra, ela reaparece cada vez mais sólida e mais dura de acutilar, e podereis estar certo de que nela há uma parte de verdade..."

"Muitas vezes a ciência matou os Espíritos, como uma das muitas superstições populares e, entretanto, nunca nos falaram deles com tanta abundância nem com tão grande aparência de autenticidade."

Fontes: ABC do Espiritismo de Victor Ribas Carneiro
Dicionário Prático de Biografias - Editora Amazonas Ltda

Um comentário: